Corregedor-geral anuncia integração entre sistemas de dados da JT

 

 

 

Aberta pelo presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Barros Levenhagen, a solenidade em comemoração aos 60 anos da Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho, nesta quarta-feira (27), no Tribunal Superior do Trabalho, contou com a presença de ex-corregedores da JT, entre eles, o ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal. O evento apresentou a integração de novos sistemas usados pelas corregedorias como um avanço que vai favorecer o trabalho correcional. O presidente e corregedor do TRT5, desembargador Valtércio de Oliveira e Tadeu Vieira, respectivamente, também participaram do evento.

 

As palestras trazem um novo quadro das corregedorias, mais dinâmicas e participativas de todas as atividades judiciárias das unidades da JT, ''não se restringindo a punições e sanções como forma de solucionar as incorrectões encontradas'', afirmou o ministro Ives Gandra, vice-presidente e ex-corregedor.

 

O atual corregedor, ministro Brito Pereira, agradeceu o trabalho que os tribunais vêm desenvolvendo com a inserção de novas ferramentas tecnológicas, entre elas, o e-Gestão, ''essencial para que os dados dos processos estejam transparentes para a sociedade''. Ele também falou da Campanha Lance Certo, promovida pela Corregedoria, com o objetivo de aprimorar os dados fornecidos pelos tribunais e corrigir inconsistências.


 

 Secom TRT5

 

O corregedor regional, desembargador Tadeu Vieira, e a gestora do sistema e-Gestão, desembargadora Margareth Costa, recebem do corregedor-geral, ministro Brito Pereira, e da gestora nacional do sistema, desembargadora do TRT10, Maria Regina Guimarães, reconhecimento pelo trabalho do TRT5 no sistema e-Gestão.

 

A gestora nacional do sistema ressaltou que as metas também são relativas ao e-Gestão, lembrando que em 15/7 foi disponibilizada aos tribunais a ferramenta pré-validador, que visa possibilitar a correção prévia dos dados estatísticos antes da remessa ao TST.

 

Em 18/7 foram realizadas reuniões por videoconferência com as equipes de TI dos Regionias para esclarecimentos de dúvidas quanto ao uso do pré-validador.

 

Integração dos sistemas

 

A comissão do e-Gestão anunciou a integração dos sistemas. Pela grande variedade de sistemas que foram desenvolvidos para agilizar o trabalho nos regionais, há um ônus de se ter que alimentar vários sistemas, com a integração os dados serão gerados a partir de um mesmo banco”, afirmou a desembargadora. E lembrou que o e-Gestão promove o gerenciamento de informações administrativas e judiciárias da JT, enquanto o Sigest realiza a Gestão estratégica, além da existência dos sistemas do CNJ,
PJe
 e sistemas locais. "Ainda há  o Justiça em Números, que traz dados de todas as Justiças, tendo como fonte o CNJ. “É um desafio diminuir o tempo de cada um deles”, concluiu a magistrada.

 

Veja abaixo os endereços eletrônicos:

 

Dúvidas siad@tst.jus.br

Comitê gestor nacional e-gestao@tst.jus.br

E-gestão www.egestso.tst.jus.br

Ambiente de colaboração ead.tst.jus.br

 

Secom TRT5  (Léa Paula) - 27/11/2014