Comissão de Credores recusa proposta oferecida pelo Hospital Espanhol

A Comissão de Credores do Hospital Espanhol rejeitou a única proposta feita para a aquisição do imóvel apresentada pelo Instituto de Gestão e Humanização da Bahia (IGH), durante audiência realizada na manhã desta quarta-feira (31/5) na sede do Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT5-BA).

O IGH propôs pagar pela compra do Espanhol o valor de R$ 123 milhões, sendo desses R$ 70 milhões para quitar dívidas trabalhistas em 77 parcelas mensais e R$ 53 milhões para o Desenbahia, o que não cobriria as dívidas trabalhistas da instituição que giram atualmente em torno de R$ 150 milhões.

A Comissão de Credores tem até esta quinta-feira (1/6) para apresentar por escrito aos juízes a motivação da recusa da proposta. Caso não homologada a proposta pelos juízes, o TRT5 realizará o leilão do Hospital Espanhol no dia 7 de junho, conforme consta no edital de venda.

A audiência foi presidida pelos juízes Sérgio Ferreira Lima e Thiago Barbosa Andrade da Coordenadoria de Execução e Expropriação do TRT5, pelo juiz Júlio Massa do Juízo de Conciliação de 2ª Grau, e pelo diretor Rogério Fagundes.

Secom (Josemar Arlego) – 31/5/2017