Dia da Mulher: presidente do TRT5 lembra das mulheres lutadoras

“Neste Dia Internacional da Mulher, devemos lembrar das mulheres lutadoras que nos antecederam e nos possibilitaram estar aqui. É a oportunidade de parabenizar todas as mulheres que compõem este Tribunal, desembargadoras, juízas, advogadas, procuradoras, servidoras, trabalhadoras, empresárias, terceirizadas, por fazerem parte dessa trajetória de luta”.

Com essas palavras, a presidente do TRT5, desembargadora Maria de Lourdes Linhares, sauda a passagem do 8 de março e celebra o fato do Tribunal contar com forte participação feminina  e por ter, pela primeira vez em sua história, uma Administração composta integralmente por mulheres (foto).

Magistradas e servidoras na inauguração do Centro de Conciliação - 2º Grau (Cejusc2) em novembro de 2018

Além da presidente, os cargos de vice-presidente, corregedora e vice-corregedora são ocupados pelas desembargadoras Débora Machado, Dalila Andrade e Marizete Menezes. Também a Ouvidoria  e a Escola Judicial são dirigidas pelas desembargadoras Ivana Magaldi e Margareth Costa. Ocupam ainda posição de destaque a juíza auxiliar da Presidência do TRT5, Dorotéia Azevedo, e a presidente da Amatra, juíza Angélica Ferreira.

Veja mais fotos de magistradas e servidoras do TRT5 neste link

Na última correição realizada no Tribunal, em julho de 2018, o corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Lelio Bentes, elogiou a composição predominantemente feminina do Tribunal, afirmando ser um exemplo a ser seguido no Judiciário.

PRESENÇA FEMININA EM NÚMEROS - Dos 29 desembargadores do Regional, 15 são mulheres e, do total de 184 juízes, 115 são mulheres. Entre os 2.334 servidores em exercício, 1.234 são mulheres. Quanto à ocupação dos cargos e funções comissionadas no TRT5, notou-se um equilíbrio na distribuição de gênero: do total de 1.708 postos, 976 são ocupados por mulheres. Do mesmo modo, na distribuição setorial dos cargos em comissão, verificou-se que, nos gabinetes de desembargadores, 15 cargos têm ocupação feminina e 14 têm ocupação masculina. Na distribuição dos cargos comissionados da área administrativa do Tribunal, incluídos os setores de apoio diretos aos 1º e 2º Graus, observou-se que 24 têm ocupação feminina e 19 têm ocupação masculina.

 

Secom TRT5 (Josemar Arlego e Franklin Carvalho) - 8/3/2018