TRT5-BA instala sistema de videomonitoramento para aprimorar a segurança nas unidades

Mais segurança para os usuários da Justiça do Trabalho na Bahia com um menor custo: essa é a principal conquista do sistema de videomonitoramento implementado pelo Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) nas suas unidades da capital e do interior. São 288 câmeras já em funcionamento que auxiliam na segurança das pessoas e preservação dos bens patrimoniais. Outros 72 novos equipamentos desta rede serão instalados em breve, totalizando 382 câmeras.

O sistema vigia todas as unidades do estado durante 24 horas por dia, todos os dias, e as imagens captadas são transmitidas para monitores de uma central do Tribunal, em Salvador, que conta com dois postos de monitoramento, onde operadores analisam o material.

Outra vantagem é que o sistema funciona de forma automatizada: no caso de qualquer movimentação suspeita em horário não comercial, um alarme é disparado na central e a imagem do local do incidente é ampliada no monitor, para que sejam tomadas as medidas necessárias.

VISITA — A presidente do TRT5-BA, desembargadora Dalila Andrade, visitou nesta segunda (10/2) a central de videomonitoramento, acompanhada do juiz Firmo Leal, auxiliar da Presidência, do diretor da Coordenadoria de Segurança Institucional, Fabiano Barbagelata Drummond, e do chefe de núcleo da Coordenadoria, Jeferson Freitas da Silva.

Secom TRT5 (Fabricio Ferrarez) – 11/2/2020