Arquivo judicial de Salvador ganha novas instalações

 Ascom TRT5
Cerca de 90 mil processos já foram transferidos para o novo espaço

 

 Ascom TRT5
O prédio, amplo e arejado, fica na Rua Vital Rego, no Barbalho

 

O Arquivo Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5) em Salvador conta agora com um novo espaço - um amplo armazém situado na Rua Vital Rego, no Barbalho. Na tarde da última terça-feira (23), a presidente do TRT baiano, desembargadora Ana Lúcia Bezerra Silva, visitou as novas instalações  para acompanhar as atividades que vêm sendo desenvolvidas para a guarda e a conservação dos processos.

 

Em funcionamento no local desde maio deste ano, o depósito é arejado e possui instalações adequadas à necessidade do Tribunal no que tange ao alojamento de processos arquivados que ainda aguardam prazo para eliminação até a construção da nova sede da instituição no Centro Administrativo da Bahia.

 

Com área total de 1.041 metros quadrados, a estrutura é composta de três prédios - um grande armazém com dois pavimentos e dois galpões anexos -com dois portões de acesso e estacionamento com disponibilidade de 12 vagas de garagem. "Além de possuir espaço suficiente para alojar todo o acervo de processos arquivados em Salvador, a localização próxima da atual sede facilita a mudança dos autos", avalia o chefe da Seção de Arquivo, Benedito José de Santana.

 

Dos 990 mil processos cadastrados no sistema do Arquivo Geral de Salvador, cerca de 440 mil ainda aguardam eliminação. Até o momento, 90 mil processos já se encontram no Barbalho e a previsão é de que até o final do ano todo o acervo seja transferido. Devido às condições delicadas de alguns processos, nem todos serão conduzidos neste primeiro momento.

 

Para a presidente do Regional, desembargadora Ana Lúcia Bezerra, a locação do novo espaço para o Arquivo soluciona um problema antigo do Tribunal no que se refere à guarda dos processos. "Agora o arquivo do TRT5 está em local adequado, bem ventilado, com iluminação natural e instalações em condições adequadas, o que possibilita qualidade no ambiente de trabalho", concluiu a presidente.

 

Em sua visita, a presidente Ana Lúcia Bezerra foi acompanhada pelo diretor geral do Tribunal, Edivaldo Lopes Santana, pelo diretor da Secretaria Administrativa, Carlito Silva Miranda, pelo diretor de Segurança José Vidal Rivas, além de Benedito José de Santana, chefe da Seção de Arquivo do Tribunal.

 

Ascom TRT5 (Lázaro Britto) - 30.08.2011
Poupe energia: banho com chuveiro elétrico não deve durar mais que 8 minutos.